O que são fundações?

As fundações são responsáveis por distribuir o peso (carga) da construção para o solo de forma segura para que não ocorram deslizamentos de terra e problemas como trincas e rachaduras na sua casa. Por isso, a escolha do tipo de fundação certa para a sua casa deve ser feita por um engenheiro capacitado.

Ele irá analisar as características do solo, o peso da edificação e seus materiais para elaborar o projeto estrutural. Um projeto bem feito economiza na compra dos materiais e evita problemas no futuro.

Neste post explicaremos quais são os tipos de fundações mais comuns nas casas dos brasileiros. Boa leitura!

Quais são os tipos de fundações?

Fundações diretas ou rasas

Em casas com até dois pavimentos é comum utilizarmos as fundações diretas ou rasas devido ao seu custo benefício.

As fundações rasas transmitem as cargas diretamente para o solo por suas bases. Possuem profundidade igual ou inferior a 3 metros. Geralmente as escavações deste tipo de fundação são feitas manualmente.

Os formatos das fundações mudam conforme o tipo, mas todas são construídas com concreto e aço. Esta combinação é conhecida como concreto armado.

Os tipos de fundações diretas mais comuns são:

Sapata Isolada

Elas são recomendadas para terrenos com solo firme e de boa resistência.

O peso da edificação é transmitido para as colunas, que por sua vez, transferem o peso para as sapatas que distribuem para o solo.

Geralmente as sapatas isoladas têm a base quadrada ou retangular e o topo pode ser reto ou piramidal.

Diagrama de forças da Sapata isolada

Viga Baldrame

A viga baldrame fica localiza abaixo do nível do solo e percorre todo o comprimento das paredes da construção.

Ela conecta sapatas isoladas para melhor distribuição dos pesos da construção.  Contribui também para um melhor travamento das colunas ou pilares da construção.

Diagrama de forças da Viga Baldrame

Radier

É uma fundação rasa recomendada para solos com baixa resistência. O radier é uma placa de concreto armado ou protendido que fica abaixo da casa e em contato direto com o solo.

Neste tipo de fundação a casa é construída logo acima dele o peso (carga) dela é distribuído de forma uniforme para o solo.

Diagrama de forças do Radier

Sapata Corrida

A sapata corrida é uma fundação superficial muito utilizada na construção de casas com vãos pequenos, muros, paredes de reservatórios e piscinas.

Ela é uma estrutura contínua de concreto armado que fica abaixo das paredes, se assemelha a viga baldrame, porém suas dimensões de largura e altura são normalmente maiores. O peso da construção é transferido para as colunas e depois distribuído linearmente para o solo.

Diagrama de forças da Sapata corrida

Fundações indiretas ou profundas

Quando o solo tem baixa resistência é necessário combinar a utilização fundações rasas e profundas ou indiretas. As fundações indiretas mais comuns em casas são as estacas tipo broca.

As brocas são cilindros de concreto e aço que enterrados conectam as fundações rasas com solos mais firmes.

Estacas

A fundação com estacas é indicada para solos com pouco resistência, como aterros por exemplo.

Nestes tipos de solo, é necessário cavar muito para conseguir achar um solo firme para fazer as fundações. Geralmente as estacas tem mais de 3 metros profundidade.

Este tipo de fundação transmite as cargas ao solo por atrito lateral. Igual quando estamos cansados e para aliviar o peso das pernas, encostamos nosso corpo na parede.  A escavação é feita através do trado manual ou mecânico, comumente chamado de broca.

Diagrama de forças das Estacas

Como escolher a fundação certa?

A escolha da fundação deve ser feita por critérios técnicos. Por isso, não faça uma falsa economia, contrate um engenheiro para elaborar o projeto estrutural da sua casa.

Para que possa visualizar melhor os tipos e usos das fundações, veja a figura a seguir onde mesclamos as informações de tipos de casas e solos:

Tipos de fundações vs. tipo de casa vs. resistência do terreno

Atenção, criamos o diagrama acima apenas para você saber quais os tipos de fundações mais comuns para cada tipo de casa e terreno. Isso não substitui a contratação do engenheiro.

Nós conseguimos explicar quais são os tipos de fundações mais utilizadas em casas? Se você ficou com alguma dúvida, não deixe de compartilhar nos comentários ou nos enviar através deste formulário.

Ficou com dúvida?

Compartilhar:

4 Comentários

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *