Nesta etapa da construção a casa receberá a segunda cobertura, o telhado. Além de chamar a atenção pela beleza, o telhado exposto é um elemento muito importante da construção.

Ele é responsável por direcionar as águas das chuvas e evitar infiltrações, além de proteger a casa da luz e calor excessivos. Neste post vamos explicar tudo que você precisa saber sobre telhado exposto, boa leitura!

O que é telhado exposto?

O telhado exposto é aquele que você consegue ver as telhas ao olhar para a casa. Graças a diversidade de cores e formatos das telhas, o telhado exposto acaba se tornando um item decorativo do imóvel.

O que é telhado exposto

Todos os tipos de telhados são compostos pelos seguintes componentes: águas do telhado, tipos de telhas, estrutura, rufos e calhas. Vamos falar mais sobre cada um destes componentes adiante.

Águas do telhado exposto

O telhado pode ser de uma água ou de várias águas. As águas do telhado são as superfícies planas inclinadas responsáveis pelo escoamento da água. Portanto se referem ao número de caimentos de água ou áreas rebaixadas do telhado.

Águas do telhado exposto

Lembre-se, a quantidade de águas deve levar em consideração as características do imóvel que está sendo construído. Telhados com muitos recortes e águas não são necessariamente mais bonitos e eficientes.

Partes do telhado exposto

Partes do telhado exposto

Cumeeira é a linha do ponto mais alto do telhado, ocorre no encontro de 2 águas e tem o papel de dividir as águas das chuvas. São revestidas com telhas específicas para seu objetivo que se chamam cumeeiras.

Espigão é a linhas inclinada formada pelo encontro de duas águas. Parecido com a cumeeira, porém não se encontra no ponto mais anto do telhado. Possui objetivo de direcionar as águas das chuvas e são revestidos com o mesmo tipo de telha que a cumeeira.

Rincão ou água furtada, é a linha inclinada formada pelo encontro entre duas águas numa parte baixa. Funciona como um captador de águas, calha entre 2 águas do telhado.

Testeira é o acabamento do telhado em madeira na parte final do beiral, feito normalmente com uma peça de 15 cm de largura.

Os beirais são as prolongações da estrutura do telhado para fora das paredes da construção. Geralmente os beirais tem de 40 a 70cm e são responsáveis evitar que a água da chuva escorrera pela parede.

Tipos de telhas para telhados expostos

As telhas são utilizadas para cobrir o telhado. Elas são responsáveis por proteger a casa da água da chuva e calor excessivo. Felizmente, hoje temos disponível muitos tipos de telhas e materiais. Além das tradicionais telhas de cerâmica, podemos encontrar telhas de concreto, alumínio, vidro, fibrocimento, polipropileno, entre outros materiais. Para cada material existem formatos e cores diferentes.

telhado telha ceramicaTelha cerâmica

As telhas de cerâmica são facilmente encontradas no mercado, com grande gama de modelos e cores. Possui alta durabilidade, oferece conforto quanto isolamento térmico e acústico, além de serem leves e de fácil instalação.

A inclinação do telhado para telhas cerâmicas varia normalmente entre 30 a 35%. Os modelos mais comuns das telhas cerâmicas são as portuguesas, paulistinha, colonial, americana, romana e francesa.

 

telhado telha de concretoTelha de concreto

Telhas de concreto também possuem alta gama de cores, alta resistência mecânica e encaixes precisos. Há modelos com tamanhos maiores do que as de cerâmica sendo necessário um menor número de telhas por m². Por outro lado, elas são mais pesadas dificultando na hora da instalação.

Proporcionam um ótimo conforto térmico e possuem as mesmas indicações de inclinações do que as telhas de cerâmica.

 

telhado telha de vidroTelha de vidro

As telhas de vidro têm tido destaque ultimamente por levar claridade aos cômodos da casa e proporcionar economia de energia. São indicadas para jardins internos, cômodos que não possuem janelas e para aqueles que se deseja aumentar a claridade natural.

Possuem diversos modelos no mercado que se assemelham aos modelos das telhas cerâmicas e de concreto para poderem ser usadas em conjunto sem dores de cabeça.

 

telhado telha PVCTelha de PVC

As telhas de PVC são feitas com o mesmo material dos tubos e conexões hidráulicas. Elas são vendidas geralmente imitando conjuntos de telhas cerâmicas. Porém possui também modelos ondulados e trapezoidais.

Elas se destacam pela leveza e facilidade de instalação, mas não são indicadas para regiões de calor intenso. Podem ser utilizadas em telhados com inclinações de 5 a 20%.

 

telhado telha ecológicaTelha ecológica

Telhas ecológicas são aquelas feitas com fibras vegetais, normalmente celulose, cobertas com resina especial de proteção e pigmentos ou feita de materiais reciclados como PET, tubos de pasta de ente e caixas de leite. São leves e de fácil instalação. Os modelos existem no mercado se assemelham as telhas de fibrocimento onduladas e as de cerâmica.

 

telhado telha sanduicheTelha sanduiche

Telhas sanduiches é a combinação de duas telhas convencionais preenchidas por material isolante (poliuretano, isopor (EPS), lã de vidro ou lã de rocha), formando um sanduiche. Os materiais isolantes de preenchimento possuem um baixo coeficiente de condutividade térmica, oferecendo um maior isolamento térmico para a construção. A inclinação indicada do telhado é 15 a 20%.

Estruturas dos telhados expostos

A estrutura do telhado é responsável sustentar as telhas e distribuir o peso do telhado para a laje. Elas podem ser de madeira ou metal e a inclinação varia conforme o tipo da telha. As estruturas dos telhados expostos são compostas por: tesouras, terças, caibros, ripas e beirais.

Estruturas dos telhados expostos

Tesouras

As tesouras são as estruturas triangulares construídas abaixo do telhado. Elas são os elementos estruturais do telhado, pois suportam e distribuem o peso total do telhado para as lajes. Geralmente é colocado uma tesoura a cada 2 metros.

As tesouras são compostas basicamente pela linha, pendural, estribo, chapuz, diagonal ou asna e empena ou perna.

Terças

Às terças são vigas que conectam as tesouras. Elas suportam e distribuem os pesos dos caibros, ripas e telhas para as tesouras.

Elas são dispostas perpendicularmente sobre as tesouras e são fixadas a elas com o frechal. Feitas com ripas de madeira com 6 cm de espessura e 12 de largura.

Caibros

Os caibros são as vigas dispostas perpendicularmente sobre as terças. Elas ficam abaixo das ripas que darão sustentação as telhas. Normalmente feitos com sarrafos de madeira com 5 cm de espessura e 6 de largura.

Ripas

As ripas são vigas dispostas no mesmo sentido das terças responsáveis por sustentar as telhas. O espaçamento entres as ripas deve levar em consideração o tipo e modelo da telha. Esse espaçamento é chamado de galga da telha.

São as ripas que darão o encaixe das telhas, evitando assim goteiras e vazamentos. Feitas com sarrafos de madeira com 2 cm de espessura e 5 de largura.

 

Rufos e Calhas

Os rufos são as estruturas metálicas responsáveis por evitar a infiltração das águas da chuva. Eles são colocamos nos encontros do telhado com as paredes ou no encontro das águas. Os rufos são do tipo pingadeira (quando ficam em cima da parede) ou interno (quando fica no encontro da parede e telhado).

Rufos e calhas para telhados expostos

As calhas são estruturas de pvc ou metálicas que possuem função de coletar e direcionar as águas pluviais (chuvas). Eles funcionam como se fossem encanamentos nas bordas do telhado. As calhas são obrigatórias nos casos onde não se pode ter beirais.

Nós conseguimos explicar o que é um telhado exposto?  Se você ficou com alguma dúvida não deixe de compartilhar nos comentários ou nos enviar através deste formulário.

Como fazer um telhado exposto?

Montagem da estrutura

Geralmente o formato e inclinação do telhado, quantidade de águas e tesouras, tipo de telha e estrutura fazem parte do projeto arquitetônico. Com o projeto em mãos o profissional contrato não terá dúvida de como deverá executar o serviço.

Como fazer a montagem da estrutura do telhado exposto

Após montado, verifique se as tesouras estão com o tamanho e na posição indicada no projeto, como também se estão alinhadas e retas.

Colocação das telhas

Verificar durante a fixação das terças, caibros e ripas se estão nos espaçamentos descritos no projeto. Para cada tipo de telha existe um espaçamento específico, sempre que possível siga a especificação do fabricante para obter o melhor encaixe. Verifique também o tamanho dos beirais.

Como fazer a colocação das telhas do telhado exposto

Novamente, para cada tipo de telha existe uma forma certa de fazer a montagem. Por exemplo, telhas cerâmicas é mais fácil iniciar a instalação no canto direito na parte de baixo do telhado. Se faz primeiro uma fileira horizontal da direita para a esquerda e depois as fileiras na vertical até a cumeeira da direita para a esquerda também.

Observe se a instalação das telhas está seguindo as instruções do manual do tipo de telha escolhido.

Instalação das cumeeiras

As cumeeiras são fixadas nos encontros de duas águas para evitar infiltrações. Elas são colocadas depois que todas as telhas estiverem sido instaladas. A fixação das cumeeiras se dá com argamassa ou veda-rufos.

Como fazer a instalação das cumeeiras do telhado exposto

Instalação dos rufos e calhas

Para telhados com calhas, verificar se estas estão bem fixas, que foram utilizados suportes corretos para a instalação delas e se a água da chuva é direcionada para lado dos bocais de escoamento. Se atente a união das calhas e a fixação dos bocais de escoamento são vedadas com veda-calhas.

Como fazer a instalação dos rufos e calhas do telhado exposto

Como calcular os materiais de construção?

Estrutura

Para calcular a quantidade de material para as tesouras do telhado primeiro deve-se dividir o comprimento total da construção por 2 para saber a quantidade de tesouras e depois multiplicar pela quantidade de material por tesoura.

Para o material das terças, deve dividir a largura da construção somada do beiral pelo espaçamento da terça (normalmente 1,2 m) e multiplicar pelo comprimento da construção para saber quantos metros lineares de viga para as terças.

Para os caibros você dividirá o comprimento da construção pelo espaçamento de 0,5 m, espaçamento dos caibros) e multiplicara pela largura da construção. Já para as ripas o cálculo é o mesmo das terças, porém utilizando o espaçamento das ripas. Lembrando que o espaçamento da ripa varia com o tipo e modelo da telha escolhida.

Telhas

A quantidade de telhas pode ser calculada através da área do telhado (largura x comprimento) multiplicado pelo rendimento da telha (quantas telhas/m²) especificado pelo fabricante. E as cumeeiras através da multiplicação do comprimento da construção por 3, que é o rendimento comum da telha cumeeira.

Achou complicado esses cálculos? Não perca os cabelos com isso, use as nossas calculadoras de materiais para facilitar a sua vida. É gratuito.

CTA Calculadora

Compartilhar:

Adicionar comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *