O que é argamassa?

A argamassa é uma massa homogênea com propriedades de aderência e endurecimento, e pode ser preparada na obra ou industrializada.

Ela é utilizada em muitas etapas da construção, desde o assentamento dos tijolos até a fixação dos revestimentos nas paredes.

A argamassa é composta basicamente por aglomerantes inorgânicos, agregados miúdos, aditivos e água.

O que é argamassa

Os materiais mais usados como aglomerantes inorgânicos nas argamassas são o cimento, a cal e o gesso. Eles são responsáveis por endurecer a massa e colar os materiais após a secagem.

Já os agregados miúdos são constituídos por grãos de areia com diâmetro menor que 4,75mm. Algumas argamassas usam agregados ainda mais leves, com densidade menor que a areia, como é o caso do vermiculita, perlita, esferas de poliestireno expandido, entre outros.

Os aditivos por sua vez são materiais inorgânicos, naturais ou industrializados, compostos geralmente por pó calcário, saibro, materiais pozolânicos, entre outros.

Eles são adicionados as argamassas para adicionar propriedades como plasticidade, impermeabilidade, aderência, etc.




Quais as características das argamassas?

As características das argamassas mudam conforme o tipo e aplicação, por exemplo, para revestimento a argamassa deve ter boa aderência e endurecimento, já para instalação de porcelanatos na parede ela deve ser mais adesiva.

Entre todas as características existentes, a mais importante é a resistência, representada pelo Ra e medida em MPa. O Ra mede a resistência de aderência à tração da argamassa.

Quanto maior o teor de cimento na mistura, maior será a resistência e o Ra da argamassa.

Agora vamos falar sobre os tipos de argamassas mais usados nas construções e reformas.

Quais os tipos de argamassas?

Existem muitos tipos de argamassas, uma para cada local de aplicação (seco ou úmido, interno ou externo), tipo de material (cerâmico, pedra, porcelanato, vidro, etc) e tamanho de peça (pastilhas, peças médias ou grandes).

Apesar da grande variedade de tipos e marcas, com o auxilia das NBR 13281 – Argamassa para assentamento e revestimento de paredes e tetos e a NBR 14081- Argamassa colante, é possível classificar as argamassas em 5 grupos:

  • Argamassas colantes
  • Argamassas de revestimentos
  • Argamassas de assentamento
  • Argamassa para rejuntes
  • Argamassas estabilizadas ou usinadas

Agora vamos explicar as características de cada tipo de argamassa industrializada disponível no mercado.

Argamassa colante

Argamassa colante tipo I

A argamassa AC-I é mais barata e simples. Ela é indicada somente para ambientes internos com pouco tráfego.

Apesar da AC-I ser a argamassa colante mais simples do mercado, ela pode ser utilizada em ambientes úmidos ou secos.

Argamassa colante tipo I

Argamassa colante tipo II

Já a argamassa AC-II é mais resistente as dilatações causadas pelas intempéries atmosféricas como chuvas, vento e sol. Por isso ela é indicada para ambientes internos e externos ou com tráfego mais intenso.

Ela também pode ser utilizada para assentamento de revestimento em locais permanentemente molhados como piscinas.

Argamassa colante tipo II

Argamassa colante tipo III

Com alta resistência, a argamassa AC-III é utilizada para ambientes públicos com alto tráfegos, revestimentos de fachadas, piscinas de água fria e quente e saunas.

Ela também é recomendada para assentamento de peças maiores que 60x60cm, tanto para pisos quanto para paredes.

Argamassa colante tipo III

Argamassa piso sobre piso

A argamassa piso sobre piso é do grupo colante e foi desenvolvida especificamente para assentamento de um piso novo sobre o piso antigo.

Com grande aderência, está argamassa permite que a fixação do piso novo seja realizada de forma segura e duradoura, sem precisar remover o piso atual.

Argamassa piso sobre piso

Argamassa para porcelanatos

Também do grupo colante, a argamassa para porcelanato é mais adesiva que a AC-III e deve ser usada apenas para o assentamento de peças de porcelanato em ambientes internos e externos.

Você encontra esta argamassa nas cores cinza e branca. A argamassa de cor branca deve ser utilizada sempre que o porcelanato for branco ou claro.

Durante a secagem o porcelanato irá absorver parte da umidade da argamassa e poderá manchar se você usar a argamassa cinza.

Argamassa para porcelanatos

Argamassa flexível

A argamassa flexível é a mais completa. Ela é indicada para o assentamento de revestimentos cerâmicos, porcelanatos, mármores e granitos em áreas internas e externas, pisos e paredes, inclusive em piscinas e fachadas.

Você também encontra está argamassa nas cores cinza e branco. Novamente a opção branca deve ser utilizada sempre que a peça for branca ou clara.

Argamassa flexível

Argamassa para pastilhas

Já argamassa para pastilhas é formulada especialmente para garantir maior aderência das pastilhas sobre a superfície, como: paredes, fachadas e piscinas.

Fique atento na hora de escolher a opção certa, existem versões que podem ser utilizadas em ambientes internos e/ou externos.

Argamassa para pastilhas

Argamassa para blocos especiais

Existem vários tipos de argamassas para blocos especiais, uma para cada tipo de material.

Por exemplo, existem argamassas específicas para o assentamento de tijolo refratários, blocos de vidros, mármores, granitos, etc.

Argamassa para blocos especiais

Argamassa para assentamento de tijolos e blocos

Existem diversos tipos de cimentos com resistência, composições e características diferentes.Geralmente feita na obra, a argamassa para assentamento é utilizada para unir os tijolos ou blocos durante a construção das paredes. Depois de seca, está argamassa deve garantir a estabilidade da alvenaria.

Fique atento, os traços das argamassas para assentamento de tijolos cerâmicos e blocos de concreto são diferentes. E mais, as argamassas de assentamento também se diferenciam entre alvenaria de vedação, alvenaria estrutural e encunhamento.

As argamassas para alvenaria estrutural são mais resistentes do que as utilizadas no assentamento da alvenaria de vedação.

Já a argamassa de encunhamento é a mais fraca das três. Ela é usada apenas para preencher o espaço entre alvenaria e a laje.

Argamassa para assentamento de tijolos e blocos

Argamassa para revestimento

As argamassas para revestimentos são utilizadas para preparar, regularizar e impermeabilizar a alvenaria.

Ela é responsável por preparar a parede para receber a pintura, fixação de revestimentos, papeis de paredes, entre outros acabamentos.

Este tipo de argamassa pode ser dividido em 3 tipos:

Argamassa para chapisco

Normalmente feita na obra com apenas cimento e areia grossa, a argamassa para chapisco é aplicada na alvenaria com a finalidade de aumentar a rugosidade e aderência para próxima camada de revestimento.

Hoje existem versões industrializadas que facilitam e simplificam a compra dos materiais e fabricação.

Argamassa para chapisco

Argamassa para emboço

Já a argamassa para emboço é feita de cimento, cal, aditivos e areia média ou fina peneirada. Ela é aplicada após o chapisco com o propósito de regularizar e impermeabilizar a superfície da alvenaria.

Apesar de mais fina que o chapisco, a argamassa para emboço proporciona um acabamento rústico, não muito liso, o que permite que a parede receba uma nova camada de revestimento com reboco ou peças de revestimentos.

Argamassa para emboço

Argamassa para reboco

O reboco é a última camada de revestimento para obter uma parede regularizada e com acabamento fino.

A argamassa para reboco é semelhante ao emboço, porém mais fina e aplicada sobre ele para proporcionar melhor acabamento as futuras pinturas, texturas ou aplicações de papeis de parede.

Normalmente a argamassa para reboco é feita na obra com cimento, cal, aditivos e areia fina peneirada. Porém, a cada dia surgem novas opções de argamassas para reboco industrializadas.

Argamassa para reboco

Argamassas para contrapiso

As argamassas para contrapiso são feitas com cimento, cal ou aditivos e areia, tem função de regularizar bases de concreto do contrapiso ou laje para posterior assentamento dos pisos.

Todos os tipos de pisos precisam de uma superfície muito bem regularizada e lisa para aplicação ocorrer sem problemas.

Dessa forma, é a argamassa para contrapiso é aplicada para garantir que os pisos não fiquem com ondulações ou depressões.

Argamassas para contrapiso

Argamassa para rejuntes

Conhecidas apenas como rejunte, as argamassas para rejuntes são feitas a base de cimento, agregados, polímeros e pigmentos.

Alguns rejuntes podem ter adição de epóxi (rejunte epóxi) ou de resinas acrílicas (rejunte acrílico) em sua composição.

O rejunte é aplicado com a função de preencher as juntas (espaços vazios entre peças cerâmicas e porcelanatos).

Existem diversas opções no mercado que se diferenciam pelas cores, locais de aplicação (seco ou úmido), material da peça assentada (cerâmica ou porcelanato), tamanho das peças assentadas e propriedades como impermeabilização e antimofo.

Argamassa para rejuntes

Argamassas estabilizadas ou usinadas

Já as argamassas produzidas em centrais de dosagem são denominadas argamassas estabilizadas ou usinadas.

A produção deste tipo de argamassa é feita em locais úmidos e a mistura dos ingredientes é controlada e feita de acordo com a utilização e local de aplicação.

Argamassas estabilizadas ou usinadas

Elas são entregues prontas para aplicação e devem ser utilizadas em até 72 horas. O transporte é feito por caminhões betoneiras e no canteiro de obra é despejada em caixas apropriadas e mantidas com uma lâmina de 2cm de água para sua conservação.

Como usa a argamassa na obra?

Como você pode ver até aqui, as argamassas são utilizadas em várias etapas da obra. Elas são essenciais no levantamento da alvenaria e acabamentos das paredes.

As argamassas também estão presentes nos contrapisos e no assentamento de pisos e revestimentos de paredes de todos os tipos.



Como comprar argamassa industrializada?

As argamassas industrializadas são vendidas em sacos de 1 até 40kg e só necessitam de adição de água para o uso.

Antes de comprar a argamassa, procure nas embalagens se há nome do fabricante, marca, tipo de argamassa, classificação e o peso. Verifique também se há selos de qualidade que atestem a conformidade com as normas da ABNT.

Como comprar argamassa industrializada

Outras informações como: validade, estocagem, tempo de maturação e cuidados de manuseio também devem estar disponíveis na embalagem. Isso demonstra que o fabricante se preocupa tanto com a qualidade do produto, como com a melhor forma de utilização e armazenado.

Se a embalagem não demonstrar essas informações, desconfie, você poderá estar até comprando argamassa, porém sem especificidade e garantia de qualidade.

Argamassa de baixa qualidade pode causar problemas futuros como descolamento de peças, estufamento de pisos e revestimentos, aparecimento de bolhas e mofo nas paredes, entre outras patologias.




Como armazenar a argamassa?

As argamassas absorvem facilmente a água e reagem endurecendo. Dessa forma elas não podem ficar armazenadas em contato direto com o solo e paredes.

Por isso, os sacos de argamassas devem ser dispostos sobre tablados ou plataformas e afastados pelo menos 30cm das paredes e 15cm do chão.

A pilha de sacos de argamassas não deve ultrapassar a altura de 15 sacos. Acima disso pode ocorrer o rompimento das embalagens, permitindo a entrada de umidade.

Como armazenar a argamassa

Procure armazenar os sacos em local fechado e mantenha longe da umidade e do calor excessivo.

Para aumentar a agilidade da obra, recomenda-se separar as argamassas por tipo e aplicação.

Evite deixar o produto armazenado por mais de 30 dias, por isso procure usar primeiro os produtos que estão armazenados a mais tempo e sempre observe a validade e estado da embalagem.



Quais as marcas e fabricantes de argamassas?

Existem fábricas de argamassas espalhadas em todas as regiões do Brasil. Algumas marcas são mais famosas e atuam nacionalmente, já outra são menores e mais regionais.

Atualmente, as maiores fabricantes de argamassas são:

Votorantim Cimentos

A Votorantim Cimentos atua no mercado com diversos tipos de argamassas com a marca Votomassa.

A empresa oferece uma linha completa de argamassas: ACI cerâmica interna, ACII cerâmica interna e externa, ACIII flexível (branca ou cinza), piso sobre piso e porcelanatos, porcelanato interno, pastilhas, bloco de vidro, grandes formatos, massa pronta, chapisco concreto e rejuntamento flexível.

WEBER-Saint Gobain

A Weber-Saint Gobain atua no mercado com as argamassas industrializadas com a marca Quartzolit e Cimentcola.

A empresa também tem uma linha completa de argamassas para: porcelanato interno, grandes formatos internos, porcelanato e piso sobre piso externo, piso sobre piso interno, varandas e quintais, cozinhas e banheiros, pastilhas fachadas, pastilhas interiores, pastilhas exteriores, rejunte acrílico, rejunte epóxi, rejunte piscinas, refratário, mármores e granitos, blocos de vidro e Multimassa uso geral.

Gmic – Minercal

A Gmic atua no mercado sudoeste e parte do centrooeste com a marca Minercola. A empresa oferece 9 tipos de argamassas, sendo: AC-I uso interno, AC-II uso externo, AC-III uso interno e externo, AC-III para porcelanatos, AC-III super branco, rejuntamentos, massa pronta aditivada, massa fina e minercolor.

Argatex

A Argatex está presente no mercado brasileiro desde 1996 e pertence hoje ao grupo alemão MC-Bauchemie.

Ela tem um portfólio completo de argamassa colantes, multiuso, especiais e básicas. A Argatex também tem rejuntes para cerâmicas, porcelanatos e rejunte acrílico.




Compartilhar:

Adicionar comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *